Navegação: Home Campanhas

Mundo Animal | Mundo Vet | Loja de Animais | Pet Shop | Clínica Veterinária

Carrinho

O seu carrinho de compras encontra-se vazio.

Campanhas Mundo Vet

FIV E FELV

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF

O QUE SÃO?

O Vírus da Imunodeficiência Felina e o Vírus da Leucemia Felina, mais conhecidos por FIV e FELV, são dois vírus altamente transmissíveis entre gatos cujo contacto seja facilitado. 
A transmissão ocorre, principalmente, por via salivar mas pode também ocorrer através de sangue, secreções nasais, fezes e leite materno. Actualmente, os nossos gatinhos são muitas vezes infectados devido à constante interacção social, partilhando comedouros, a caixinha da areia ou lambendo-se mutuamente. 
A incidência em gatos que vivem dentro de casa tem vindo a decrescer graças à ausência de contacto com gatos de rua e à vacinação frequente.

COMO SE MANIFESTAM ESTAS DOENÇAS?

Os sinais clínicos podem variar de animal para animal mas incluem, frequentemente, dispneia (dificuldades respiratórias), depressão, perda de apetite/peso, febre, infecções bucais e abcessos de difícil cicatrização. 
A progressão da doença vai depender da idade e da imunidade do animal para além de factores relacionados com o próprio vírus. Alguns animais ficam susceptíveis a desenvolver outras patologias, mais preocupantes, entre as quais se destacam alguns tumores malignos.

INFORME-SE JUNTO DO SEU MÉDICO VETERINÁRIO! FAÇA O DESPISTE E AJUDE O SEU ANIMAL!

 


Dra Marta Pereira

Actualizado em ( Terça, 15 Novembro 2011 17:46 )
 

Esterilização

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF

O que é a Esterilização?

A esterilização é um método cirúrgico eficaz através do qual o Médico Veterinário retira os órgãos reprodutores do animal, que, no macho, corresponde aos testículos (Orquiectomia) e, na fêmea, aos ovários e útero (Ovariohisterectomia – OVH). 
A decisão de esterilizar o animal indica o nível de responsabilidade que assumimos para com ele!

Quais as vantagens?

É a melhor e mais eficaz arma para combater a reprodução indiscriminada e sobrepopulação de cães e gatos;

Nas fêmeas: diminui a probabilidade de virem a contrair tumores do ovário, útero e mama, para além de diminuir a incidência de piómetra (infecção de útero grave que, se não tratada, pode conduzir à morte do animal); 
Evita a pseudogestação ou gravidez psicológica, distúrbio hormonal frequente nas fêmeas; 
Promove o desaparecimento do comportamento de cio e marcação do território.

Nos machos: contribui para a diminuição da agressividade, ansiedade e hábito de fugir; 
O ritual de marcação de território com urina e os comportamentos possessivos ou dominantes também tendem a diminuir; 
Diminui a incidência de tumores testiculares, hérnias perineais e tumores das glândulas hepatóides cujo desenvolvimento se acredita ser hormonodependente.

De uma forma geral, diminui o risco de contraírem doenças sexualmente transmissíveis, assim como doenças transmitidas por dentadas ou arranhões (como, por exemplo, doenças víricas como o FIV e FELV nos gatos).

Informe-se junto do seu Médico Veterinário sobre a esterilização do seu animal e qual a melhor altura para o fazer! Oferecemos a ração, especialmente formuladas para Animais Esterelizados!

 

 

Destartarização

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF

É com alguma frequência que ouvimos os proprietários queixarem-se do mau hálito do seu animal! 

O mau hálito pode, muitas das vezes, ser causado por uma elevada carga bacteriana que, posteriormente, poderá vir a provocar outros problemas relativamente mais graves como a acumulação de tártaro, gengivite, periodontite e, numa última fase, a queda do dente! 

É possível, com uma boa e rotineira higiene oral, manter a boca do seu animal saudável! Existe, no mercado, uma série de produtos que promovem a limpeza eficaz dos dentes e ajudam a prevenir a acumulação de tártaro, como, por exemplo, pastas dentífricas, snacks dentários e rações específicas. 

Por vezes, mesmo com uma correcta limpeza diária dos dentes, a acumulação de tártaro é inevitável, tornando-se recomendável realizar a Destartarização com ultra-sons! 

Informe-se junto do seu Médico Veterinário acerca da saúde oral do seu animal! Com a Destartarização oferecemos uma embalagem de ração específica para manter os dentes do seu animal saudáveis!

Dra Marta Pereira

 

Dirofilariose

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF

A Dirofilariose é uma doença parasitária provocada por vermes do género Dirofilaria e que pode afectar uma grande variedade de animais, entre eles os nossos cães e gatos! 

A doença é transmitida pela picada de um mosquito do género Culex que, ao sugar o sangue do animal, inocula os parasitas ainda imaturos. Estas formas imaturas, também designadas por microfilárias, migram através do sangue ou linfa do hospedeiro para acabarem o seu desenvolvimento no coração e artéria pulmonar do animal!

Os sinais clínicos mais frequentemente observados consistem em tosse seca e crónica, apatia, intolerância ao exercício, perda de peso e, nas fases mais tardias, sinais de insuficiência cardíaca direita. 
É de realçar que, grande parte dos animais, nas fases iniciais da doença, não apresenta sintomatologia! Desta forma, é importante realizar testes específicos periodicamente com o objectivo de detectar a doença o mais precocemente possível, facilitando o tratamento e evitando a disseminação da doença!

Informe-se com o seu Médico Veterinário! É possível prevenir a doença e o Despiste faz parte integrante do controlo periódico da doença! Cuide do seu Animal.

Dra Marta Pereira

Actualizado em ( Terça, 15 Novembro 2011 17:51 )